TUDO QUE VOCÊ NUNCA QUIS SABER SOBRE OS SKINHEADS, POIS SEMPRE ACHOU QUE ERAM TODOS NAZISTAS!

Seja bem-vindo(a) à página dos SKINHEADS CEARÁ, um coletivo que agrupa principalmente skinheads, sejam eles anarquistas, comunistas, ou sem nenhuma ideologia definida, mas também outras culturas irmãs (como os mods, rude boys e punks). Possuímos em comum a paixão pelo oi!, ska e reggae; o prazer por uma cerveja gelada e um bom futebol; o sentimento classista e a revolta diante de toda e qualquer forma de discriminação e exploração. Leia mais...

20 de mai de 2009

Street Punk Oi! - O som feito pela juventude das ruas

O movimento skinhead original atingiu seu auge em 1969, e aos poucos deu uma enfraquecida. Em meados dos anos 70 o movimento apenas se encontrava em âmbitos reduzidos. Nessa época, enquanto o desemprego e a desesperança cresciam, surgia um novo estilo de música, o punk rock, que infectou as ruas e criou um estilo de vida próprio, nascendo assim os punks. Os skinheads logo se interessaram por este novo estilo musical e fizeram-se os mais fiéis seguidores junto dos punks.

O Punk Rock original logo perdeu aquele espírito de rebelião que teve ao nascer. Começou a surgir os modismos, as poses, e os punks de boutiques. Muitas bandas de punk rock degeneraram para o “new wave”, “pos punk” e outras merdas desse tipo. Foram as bandas de rua que mantiveram o sentimento proletário de inconformismo. Logo, em 77, aparece uma nova geração de grupos como Sham 69, Angelic Upstarts, Blitz, Crass, Infa-Riot, etc. O então jornalista da revista “Sounds” – Garry Bushell – foi praticamente o único a escrever sobre esta música, conhecida nas ruas como street punk ou reality punk, e denominou-a OI! inspirado na música "Oi! Oi! Oi!" do Cockney Rejects.

Garry Johnson viria mais tarde a definir o Oi! como a somatória da rebelião social punk e o radicalismo anti-burguês skin. E diferente do que muitos aqui no Brasil pensam, o Oi! não é som de careca anti-punk, pelo contrário, ele foi desde sua origem uma música que pregava a união entre punks e skins e toda a juventude "sem futuro". Tanto é que muitas bandas (como a Blitz e a Infa-Riot) eram formadas tanto por punks quanto por skins.

8 comentários:

  1. velho vc's são contra a homofobia cara?
    ...cara isso não é ser skin ,cara sinto mto mesmo...,velho os gays são uma aberração cara...
    concordo com vc's em tudo ,mas infelizmente nessa parada ''contra a homofobia''me deixou com nauseas...

    ResponderExcluir
  2. Entende-se um comentário desses, já que vem de uma pessoa que tem como filme preferido "Paixão de Cristo". Isso sim me dá náuseas.

    Eu não sou skin, mas tenho certeza que VC não é a pessoa mais autorizada para dizer o q é e o q ñ é ser um skinhead.

    ResponderExcluir
  3. essi cara naõ passa de un enberssil porq enpleno seculo 21 pregandu u preconceito quantu a gays e lesbicas vai si fud seu merda si v cmorassi aqui na minha cidade te pisaria so de coturno seu endiota concordu com vc fabio essi cara eun loucu kkkkkk

    ResponderExcluir
  4. eu quero fazer parte desse movimento Skin OI!

    ResponderExcluir
  5. Vai tomar no seu cu bando de arrombado o skinheads e bem diferentes de neo nazis vai si fuder digo isso eu em pleno seculo 21 vcs não saberem a diferença bando de cuzão si informes antes de criticar PAU NO CUS !! Skins e Punks Oi! Oi! Oi!

    ResponderExcluir
  6. o problema é q tem muita gente burra,sem informação q acha q oi! é nazi.sou anarco punk,n conheço nenhum skin,mas se conhecesse n teria nenhum problema,desde de q seja rash, sharp ou outros com ideologias n preconceituosas, curtu ,reggae,ska punk,e outros tbm,e eu n sei se poderia me denominar Anarco Oi!,ou soh Anarco punk msm

    ResponderExcluir
  7. Oi oi oi suspensorio e spike hair!!!!
    Para os street que quiserem se corresponder....rockwilliams8.3naestradajc@gmail.com......vida longa oi!

    ResponderExcluir
  8. https://www.youtube.com/watch?v=uaoYaDqgN-U

    ResponderExcluir